O Bê-a-bá do Sertão - Paraíba - Como é o incrível papel à prova d'água e fogo
Cotidiano 26.01.2017 - Inventado por chineses:

Como é o incrível papel à prova d'água e fogo

     
Compartilhe

Como é o incrível papel à prova d'água e fogo


Mais de dois milênios depois de terem inventado o papel, os chineses dizem agora ter aperfeiçoado sua criação, tornando-a resistente à água e ao fogo.


Segundo um texto publicado na revista científica Journal of the American Chemical Society, pesquisadores do Instituto de Cerâmica de Xangai desenvolveram um papel que pode ser lavado sem ter o texto escrito nele danificado e suportar um calor de mais de 200°C.


Zhu Yingjie, um dos responsáveis pelo projeto, disse que embora já existam papéis que possam resistir a esses elementos, nenhum deles agrupa as duas características.


Pesquisadores chineses desenvolvem papel resistente a água e fogo.

De acordo com os inventores, a nova função é capaz de repelir não apenas a água, mas também outros líquidos como café
, suco ou chá.




Material
Para que esse papel possa resistir tanto ao fogo quanto à água, os pesquisadores adicionaram hidroxiapatita - formada por fosfato de cálcio - à mistura que o produz.


Resistência a água e fogo se deve a tipo de cálcio misturado na produção.

Esse elemento, que pode ser encontrado tanto no esmalte dos dentes dos animais quanto nos ossos, é essencial para a resistência do produto.

Graças à mistura entre papel e hidroxiapatite, a estrutura do material muda e dá a ele propriedades que permitem repelir os elementos naturais.



Aplicações
Esse tipo de papel pode, por exemplo, ajudar a preservar documentos importantes durante tragédias naturais.


"O papel também será útil para preservar documentos importantes por séculos, porque nós não precisaremos nos preocupar se ele será destruído pelo fogo ou água", disse Zhu Yingjie.


Papel resistente pode chegar ao mercado nos próximos três anos.

O pesquisador disse que a criação será benéfica para muitos setores. "Acreditamos que haverá diversos tipos de usos, desde a sua utilização para a caligrafia até a aplicação em outdoors".


A equipe começou o trabalho em 2008 e agora está registrando uma patente. A previsão é que o produto consiga entrar no mercado nos próximos de três anos.

                       

Deixe o seu comentário







Respeitamos o direito de opinão e expressão. O espaço para comentários é um espaço democrático destinado às opiniões relativas ao texto originalmente publicado.
Não serão publicadas quaisquer mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou, ainda, que desrespeitem a privacidade alheia, que tenham caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas, ou, ainda, que tenham linguagem grosseira e/ou obscena.
Não serão publicados comentários que tentam se aproveitar deste espaço democrático para “destacar” outros sítios ou blogues ou, ainda, que tenham por objetivo comercializar produtos ou serviços.
Comentários anônimos, desconexos ou sem sentido em relação ao tema comentado também serão descartados.




Copyright © 2002/2017 - O Bê-á-bá do Sertão - Todos os direitos reservados
Contatos: (0xx83) 99967.1500 - Paraíba - Brasil
E-mail para contatocomercial@obeabadosertao.com.br