O Bê-a-bá do Sertão - Paraíba - Furto de energia elétrica aumentou com a crise, dizem distribuidoras
Policial 28.06.2016 - Tendência é de alta:

Furto de energia elétrica aumentou com a crise, dizem distribuidoras

     
Compartilhe

Furto de energia elétrica aumentou com a crise, dizem distribuidoras


O furto de energia aumentou devido à crise econômica, afirmam executivos de distribuidoras elétricas.


A Aneel(agência que regulamenta o setor) mede as perdas da indústria e as divide entre técnicas e não técnicas -é nessa última que estão os roubos, junto aos erros de medição, de faturamento e outros desvios.


No ano passado, a média do índice de perdas totais foi de 10,89%. Nos 12 meses que terminaram em 17 de maio, era 13,02%, diz a agência.



O principal fator por trás das variações são as perdas não técnicas, segundo executivos de distribuidoras. As outras são mais constantes.


Em 2015, os indicadores ainda melhoraram - o impacto da crise econômica na alta da quantidade de crimes demora a ser notado, segundo Claudio Sales, presidente do Instituto Acende Brasil.


"Dava para antever o fenômeno [da alta de ligações clandestinas], mas não para prever o nível, até porque é preciso ver como as empresas e o poder público vão reagir".


A tendência é que isso cresça a velocidades mais altas.


"É como uma epidemia, o furto começa a ser disseminado e cresce a oferta de agentes especializados em ligações clandestinas".



Um diretor de uma concessionária do Rio, onde os índices são historicamente altos, diz que à crise econômica soma-se um recrudescimento da violência em áreas urbanas, o que dificulta a fiscalização e punição ao delito.


A expectativa é de piora nos próximos meses.


As distribuidoras desse Estado enfrentam índices maiores do que 12% só de perdas não técnicas. Na Eletropaulo, que atende a região metropolitana de São Paulo, esse número foi 3,5% em 2015, segundo a Aneel.

                       

Deixe o seu comentário







Respeitamos o direito de opinão e expressão. O espaço para comentários é um espaço democrático destinado às opiniões relativas ao texto originalmente publicado.
Não serão publicadas quaisquer mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou, ainda, que desrespeitem a privacidade alheia, que tenham caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas, ou, ainda, que tenham linguagem grosseira e/ou obscena.
Não serão publicados comentários que tentam se aproveitar deste espaço democrático para “destacar” outros sítios ou blogues ou, ainda, que tenham por objetivo comercializar produtos ou serviços.
Comentários anônimos, desconexos ou sem sentido em relação ao tema comentado também serão descartados.




Copyright © 2002/2017 - O Bê-á-bá do Sertão - Todos os direitos reservados
Contatos: (0xx83) 99967.1500 - Paraíba - Brasil
E-mail para contatocomercial@obeabadosertao.com.br